Página Principal > Saúde Pública > No SUS, novos remédios pra HIV e Alzheimer
estetoscópio em cima de prescrição médica

No SUS, novos remédios pra HIV e Alzheimer

Tempo de leitura: 1 minuto.

Na última semana, o Ministério da Saúde divulgou a nova Relação Nacional de Medicamentos Essenciais (Rename), que agora inclui o Dolutegravir, uma alternativa para o tratamento da AIDS, e a Rivastigmina, remédio terapêutico para o tratamento de Alzheimer.

O Rename é a lista que define medicamentos para atender as necessidades prioritárias do Sistema Único de Saúde (SUS). Este ano, ela conta com 869 medicamentos, divididos em cinco anexos: básico, estratégico, especializado, insumos e hospitalar.

Além do Dolutegravir e da Rivastigmina – como adesivo transdérmico -, foram incluídos também o cloridrato de cinacalcete e paricalcitol, indicado para pacientes com hiperparatireoidismo secundário à doença renal crônica, e a ceftriaxona, para tratamento de sífilis e gonorreia resistentes a ciprofloxacina.

Para solucionar o problema de desabastecimento no país, o Ministério da Saúde também iniciará a centralização do tratamento básico da Toxoplasmose, com a aquisição dos medicamentos pirimetamina, sulfadiazina e espiramicina.

Referências:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *